segunda-feira, 27 de junho de 2011

Patê de Pimenta

Depois de alguns pedidos, postarei hoje a receita do Patê de Pimenta.

Apesar de o ingrediente principal ser a pimenta, fiquei surpresa por algumas pessoas que não gostam dessa maravilha terem apreciado o patê.

Eu como uma boa amante da pimenta, adoro a mistura de ingredientes dessa receita.

Experimente você também!




INGREDIENTES:

300 g de pimentas frescas (vide dica "a")
100 g de alcaparras em conserva
60 g de filés de anchovas em conserva
Azeite de oliva extra virgem


MODO DE FAZER:

Cortar as pimentas ao meio (horizontalmente) e retirar o cabinho e as sementes. Colocá-las em uma travessa que possa ir ao forno.


Cobrir as pimentas com azeite. O azeite usado nessa etapa não precisa ser extra virgem.


Levar ao forno (180°C) pré-aquecido e assar por cerca de 20 minutos.
Escorrer o azeite e guardar para utilizá-lo em outros pratos.
Deixar a pimenta esfriar um pouco.

Em seguida, picar bem as anchovas juntamente com as alcaparras.


Picar as pimentas (em fatias finas ou pedaços maiores). 

Misturar as pimentas, as alcaparras e as anchovas e cobrir com azeite extra virgem.


Servir com pão ou utilizar como acompanhamento para outros pratos.

Bom apetite!!!


DICAS:

a) Podem ser utilizados os mais diversos tipos de pimenta, mas aconselho usar aquelas de médio ardor ou misturar tipos de pimentas mais ardidas com outras mais suaves. No caso da receita fotografada, utilizei a pimenta dedo-de-moça (minha preferida) e a pimenta de cheiro.

b) O ideal é utilizar luvas para manipular as pimentas. Caso contrário, as mãos podem ficar ardendo depois.

c) O azeite em que a pimenta é assado fica uma delícia. Ele pode ser utilizado em vários pratos, como macarrão ao alho e óleo, massas de pão, entre outros. A pimenta do patê perde um pouco do ardor depois de assada. Já o azeite fica com o sabor da pimenta bem realçado.

d) O sal do patê é dado pela alcaparra e pela anchova. Se necessário, usal o sal comum para fazer a correção ou, ainda, acrescentar mais de algum desses ingredientes.

domingo, 12 de junho de 2011

Compota de Maçã

Queridos seguidores, eu não abandonei o Tampopo! Estive ausente por questões profissionais...

Enfim, o que importa é que finalmente postarei a receita da Compota de Maçã.

Essa é uma sobremesa saborosa e refrescante. Ideal para as pessoas que querem ou precisam evitar o açúcar.

Desde criança, minha mãe faz essa compota e eu sempre adorei.

Ela tamém serve de base para outras receitas, tais como geléia, gelatina, tortinhas, strudel, entre outras...

Por incrível que pareça, os únicos ingredientes são maçã e sal. O doce vem do açúcar da fruta.

Experimente!


INGREDIENTES:

2 kg de maçã (preferencialmente, a Fuji)
sal


MODO DE FAZER:

Lavar bem as maçãs.



Em seguida, descascá-las e cortá-las em gomos, retirando as sementes.


Passar as maçãs em água limpa com uma colher (chá) de sal para que os gomos não escureçam.


Escorrer as maçãs e colocá-las em uma panela. Acrescentar uma pitada de sal.


Tampar a panela e deixar cozinhar em fogo médio por aproximadamente 20 minutos. Depois que desligar o fogo, deixar descansando, com a panela tampada, por uns 10 minutos.

Por fim, despejá-la.


Servir gelada.

Bom apetite!!!


DICA:

a) O tempo de cozimento varia de acordo com a preferência de cada pessoa. Na minha opinião, o ponto ideal é quando a maçã está cozida, mas não desmanchando. Todavia, quando mais tempo ela cozinhar, mais doce ela fica, porém, menos refrescante. O tipo de maçã também interfere no tempo de cozimento.

b) Não é bom reduzir a quantidade de maçã, pois ela pode não soltar água o suficiente para não grudar na panela.

c) A compota também é gostosa quente.

d) Durante uma época do ano (geralmente nos primeiros meses do ano), a maçã fuji some dos mercados e, quando é encontrada, ou está muito cara ou verdolenta. Trata-se de sua entressafra. Nesse período, é melhor utilizar a maçã gala. Nesse caso, reduzir o tempo de cozimento de 5 a 10 minutos.