segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Conserva de Gengibre (Gari)

Essa é a conserva preferida do pai da Anne. Tudo bem, a Anne ainda não nasceu, mas quem sabe ela também não goste de gengibre? Parabéns, Dani e Aécio, pela pequena que está para chegar!

Esse é aquele gengibre que acompanha o sushi e o sashimi nos restaurantes japoneses, tendo duas funções principais: combater bactérias (antibacteriana) e limpar a boca do sabor anterior.

Além disso, o gengibre também pode ser usado no tempero ou acopanhamento de outros pratos, como peixes. Também combina muito bem com arroz integral.




INGREDIENTES:

- 500g de gengibre fresco
- 3 colheres rasas (sopa) de sal
- 1 e 1/2 copo de vinagre de arroz
- 3/4 de copo (americano) de açúcar mascavo claro
- 2 copos (americanos) de água


MODO DE FAZER:

Descascar o gengibre e cortá-lo em fatias finas.


O corte pode ser feito com uma faca ou ralador.


Colocar o gengibre em uma panela com água até levantar fervura. Deixar mais 1 minuto e desligar. Escorrer o gengibre e deixar esfriar.

Em seguida, em uma panela, juntar o vinagre de arroz, o sal, o açúcar e a água. Levar ao fogo até ferver. Deixar esfriar.

Colocar o gengibre em um vidro e cobrí-lo com a mistura de vinagre. Tampar bem e deixar 48 horas curtindo fora da geladeira. 


Por fim, armazenar na geladeira e ir consumindo. Dessa forma, a duração do gengibre é de vários meses.

Bom apetite!!!


DICAS:

a) É importante que o gengibre esteja bem novo, pois possui menos fibras.

b) A receita original usa açúcar comum e costuma ser mais doce (1 e 1/2 copo de açúcar). Todavia, gosto de usar açúcar mascavo ou não usar nenhum.

c) O gengibre fresco nem sempre é fácil de encontrar. Em Brasília, dependendo da época do ano, pode ser encontrado no Ceasa ou em mercearias japonesas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário